Acredito que esse assunto seja bem comum, mas nem sempre é abordado com tanta importância. Existe muita informação errada na internet, e precisamos estar atentos a tudo. Nossa postagem aborda os cuidados necessários a se ter quando descobrir que adquiriu uma hamster "recheada" de presentes.

Photo by Nokozam on flickr

Infelizmente acontece mais do que se pensa. Você vai a um petshop na sua cidade, escolhe o hamster e dias depois, percebe que ele está mais gordo que o normal e em algumas semanas ele, que na verdade é ela, te dá netinhos e motivo pra muita dor de cabeça. Isso ocorre porque petshops são irresponsáveis e mantém os hamsters juntos num mesmo alojamento, independente se brigam ou se são de sexos diferentes. É cruel, mas é a realidade por aqui.

Antes de iniciar as dicas, quero deixar claro que nosso blog é contra qualquer tipo de reprodução caseira. Reprodução animal requer cuidados veterinários, alojamentos bacanas, tempo e dinheiro. Não pense que tirar cria é fácil e nem lucrativo. Criadores responsáveis sabem a genética dos seus hamsters, selecionam os melhores, com a melhor pelagem, melhor saúde, e podem te atestar que são saudáveis pois possuem toda a árvore genealógica do animal. 

A primeira coisa que você deve saber, é que poderão vir pelo menos 18 filhotes. Nem sempre é assim, mas é bom estar preparado pra maiores incidências. Ao notar um comportamento diferente na sua hamster, e até um ganho de peso repentino, uma barriga arredondada e etc, esteja preparado pro que vai vir. Siga todas as dicas abaixo e procure os melhores adotantes que puder. Jamais doe para petshops, pois estarão propensos a virar alimento de outros animais e mesmo viver mal em gaiolas minusculas. Seja responsável e ame seus animais acima de tudo.

Photo by dacookieman on flickr


1. Remova a rodinha de exercícios, andares e "aposente" a hamster ball
É a primeira atitude a ser tomada, mesmo que seja só uma suspeita sua. Fique observando e se a hamster não estiver grávida, pode devolver os brinquedos. Uma hamster prenha não pode fazer exercícios, pois além de acontecerem acidentes, elas precisam de toda sua energia para cuidar dos filhotes. Assim como grávidas humanas, precisam ficar de repouso, pois excesso de exercício pode ocasionar a morte dos bebês. Se o animal der a luz, só devolva os brinquedos quando os filhotes desmamarem, e separe-os um por alojamento (ou doe).

2. Não oferece leites e derivados
Temos o costume de querer dar leite aos nossos animais, mas na verdade essa atitude é bem errada. O leite não fará o hamster produzir mais leite, mas poderá causar diarréia e depois a morte do animal. A única coisa que pode ser dada, que é derivado de leite, é o queijo ricota, e ele se encaixa no tópico abaixo.

3. Aumente a quantidade de proteína animal
Mesmo durante a gravidez, ofereça a proteína animal da sua preferência 1 vez por semana. Quando os filhotinhos nascerem, assim que começarem a ficar ativos, coloque uma quantidade que dê pra todos comerem.  

4. Ofereça bastante papel higiênico neutro e remova a casinha
Já dissemos que tecidos e algodão são perigosos, então dê papel higiênico pois eles adoram para fazer ninho. A casinha deve ser retirada, pois será anti-higiênico. A mãe tenderá a levar seus filhos para a casinha e lá todos irão urinar e defecar, e isso pode ser muito grave pra saúde deles. 

5. Cuidado com o manuseio
Evite pegar sua hamster grávida, e quando os filhotes nascerem, não toque-os também. O hamster pode comer um filhote se achar que você é um predador, é um instinto natural. Se mesmo assim o animal matar algum dos filhotes, é sinal que ele estava doente e ela o sacrificou, ou até mesmo  porque ela achou que não daria conta de cuidar de todos os bebês.

6. Não limpe a gaiola
O cheiro vai ficar insuportável, então sempre mantenha seus hamsters em alojamentos espaçosos e arejados, mas cuidado com a corrente de ar, que é super perigosa. Você não poderá limpar a gaiola por pelo menos 15 dias, até que sua hamster esteja confiante com o ambiente x filhotes, e será quando eles já terão certa maturidade.

7. A hora certa
Com 15 dias os bebês já comem sozinhos e você já pode oferecer proteína animal e verduras/legumes para eles. Com 21 dias serão desmamados e devem ser separados um por alojamento.

É isso, qualquer dúvida enviem mensagem para a nossa página no facebook ou comentem essa postagem. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...